Descobrindo as belezas de Atenas

Atenas é a capital e também a maior cidade da Grécia. É mundialmente reconhecida por suas riquezas culturais, históricas e políticas. Também atrai muitos turistas por sua beleza, cultura e gastronomia.
 

 

Um dos lugares mais visitados de Atenas é a Acrópole, a porção da cidade construída nas partes mais altas da região.
Nas acrópoles das diversas cidades eram construídas as estruturas mais nobres como os templos e palácios dos governantes. Esta posição era estratégica, pois do alto as construções seriam defendidas com mais eficácia. Por outro lado também podemos perceber um valor simbólico neste local, ou seja, um lugar alto para elevar e enobrecer os valores humanos.
A Acrópole de Atenas é a mais conhecida e famosa do mundo e ficou famosa pela construção do Partenon, um suntuoso templo em honra à deusa Atena. 

 

O Erecteion é outro templo famoso construído na Acrópole de Atenas. É considerado o mais belo monumento em estilo jônico, levantando em honra de um lendário herói ateniense chamado Erecteu. Sua construção terminou em 406 a.C.

 

Um dos detalhes que mais me chamou a atenção nesta construção são as seis cariátides fazendo as vezes de colunas.

 

A  Acrópole de Atenas foi construída entre 450 a 330 a.C. sobre as ruínas de construções mais antigas. Além do Partenon e do Erecteion, este sítio arqueológico possui outras importantes obras primas como o Propileu, e o templo de Atena Nike.

 

 

 

 

 

Vista panorâmica da cidade de Atenas, da Acrópole.

 

 

Durante nossa estadia em Atenas, demos preferência ao transporte público. Havia uma estação de metrô há 200 metros do nosso hotel e existem estações nos principais bairros e atrações turísticas de Atenas.
Como em qualquer cidade grande, é preciso ficar atento aos pertences durante o trajeto e espera nas estações. Mas é bem tranquilo!
O idioma pode assustar um pouco, mas dentro dos trens e nas estações, tudo o que é falado em grego é repetido em inglês. Caso você também não entenda inglês, estude o trajeto antes e anote as estações onde deve subir e descer. Parece difícil, mas não é!

 

Outro meio que utilizamos para conhecer melhor a cidade é o ônibus turístico. Aqui é mais tranquilo pois você coloca um fone de ouvido e escuta as informações em português do Brasil.  Este ônibus funciona com sistema “hop on hop off”, onde você pode subir e descer nos pontos de parada quantas vezes quiser, durante o período de validade do seu bilhete.

 

 

Um dos bairros mais famosos de Atenas é Plaka. Localizado bem abaixo da encosta da Acrópole, Plaka é um bairro charmoso, cheio de lojas e restaurantes. Em várias ruas do bairro é permitido somente o acesso de pedestres. Nas lojas e restaurantes os atendentes se esforçam bastante para se comunicar. Todos falam inglês além do grego, mas em algumas lojas haviam vendedores que falavam até português.
Tem estação de metrô em Plaka que também dá acesso à Acrópole. Uma das paradas do ônibus turístico é em Plaka também.
Se possível visite o bairro durante o dia e a noite. Apesar de ser o mesmo lugar, você vai ter experiências diferentes!

 

 

Em Plaka provei um legítimo iogurte grego. Achei um pouco diferente dos vendidos no Brasil. Mas muito saboroso! Neste lugar chamado Fresko, há diversas opções de cobertura para seu iogurte. Eu adorei a de morango, tanto que trouxe um vidro para o Brasil. Você avisa que vai levar na mala e eles embalam com bastante cuidado para não quebrar durante a viagem.

 

 

Ficamos hospedados no hotel Sofitel Athens Airport que fica no aeroporto. Muito prático principalmente se o seu voo chegar ou partir de madrugada.Para ler o post sobre este hotel clique aqui.

 

 

Fique de olho:
  • Alugar carro em Atenas é entrar em uma fria. A cidade tem muito trânsito. Além disso, devido aos problemas políticos e econômicos enfrentados,  estão acontecendo muitas manifestações publicas que bloqueiam o trânsito por horas.
  • Se o seu voo for de madrugada, de preferência a hotéis mais próximos ao aeroporto. 
  • Não existem voos diretos até Atenas. Então se prepare para uma longa viagem que vai incluir no mínimo uma conexão. Viajei pela Etihad Airlines. Saindo de Guarulhos com conexão em Abu Dhabi, total 27 horas.

 

 

Alessandra Maróstica

Mãe, esposa, paulistana (da Mooca), fisioterapeuta, pianista e travelholic. Apaixonada por fotografia, gastronomia e por viver experiências culturais diferentes. Visitou 16 países e está sempre em busca do próximo destino.

Deixe uma resposta