Paris: Conhecendo a “Cidade Luz”

Paris é uma cidade charmosa que esbanja romantismo e história, sendo também um dos destinos mais importantes da Europa. 

Você pode ficar lá durante um mês, e quando sair vai ter a sensação de não ter conhecido o suficiente.

torre_eiffel_paris

Mas porque “Cidade Luz”?

Engana-se quem achou que era pela iluminação das imponentes construções e monumentos.

Na verdade Paris ganhou o apelido de “Cidade Luz” devido ao período histórico conhecido como iluminismo. O período de trevas da idade média deu lugar a luz das ideias. Várias capitais europeias serviram de palco para o movimento, entre elas Paris. É claro que a forma como Paris se ilumina ao anoitecer, favoreceu a fama da “Cidade Luz”.

 

Voltando aos pontos importantes para conhecer na cidade.

Fiz uma lista com alguns lugares que são essenciais para conhecer em Paris. A boa notícia é a maioria deles pode ser visitados gratuitamente, dependendo do dia.

 

TORRE EIFFEL

É certamente a estrutura mais conhecida da França, talvez do mundo. Visitada por milhões de pessoas a cada ano, já foi cenário de dezenas de filmes. Projetada pelo engenheiro Gustave Eiffel, possui 324 metros de altura e foi construída para a Exposição Universal de 1889.

A torre está aberta todos os dias do ano, inclusive 25 de dezembro e 01 de janeiro.

torre_eiffel

A Torre Eiffel  possui no primeiro piso uma estrutura transparente que permite uma experiência incrível. No primeiro piso também está o restaurante 58 Tour Eiffel, super moderno e com uma vista maravilhosa.

torre_eiffel_piso_transparente

No segundo piso está localizado o restaurante Le Jules Verne, muito sofisticado e também com uma vista maravilhosa.

Algumas pessoas optam por subir somente até o segundo piso, pelo valor do ingresso ser mais barato. Deste piso é possível ter uma belíssima vista de Paris. Mas eu recomendo pagar um pouco mais e subir até o piso superior.

Na próxima foto o Rio Sena visto do segundo piso da Torre Eiffel.

rio_sena

O último piso é tão alto, que a vista já não é tão nítida. Mesmo assim a experiência é incrível. Os prédios de Paris ficam bem pequenos.

torre_eiffel

Alguns telescópios estão disponíveis para que os visitantes consigam enxergar melhor os detalhes vistos lá de cima.

No último piso você pode desfrutar uma taça de champagne no Bar à Champagne, e finalizar seu passeio em grande estilo.

Visite o site oficial dos Restaurantes da Torre Eiffel e escolha o mais adequado ao seu gosto.

torre_eiffelComo compramos os ingressos antecipadamente pela internet, não pegamos fila. Ao efetuar a compra pela internet, você imprime o ingresso em casa. Existe uma fila normal e uma fila para quem já tem os ingressos. É só comparecer no dia e horário marcados e aproveitar esta incrível experiência.

Dica: Compre o ingresso para o final da tarde. Assim você sobe ainda durante o dia, assiste o pôr do sol e vê os monumentos se iluminando ao anoitecer.

 

Valor do ingresso (de elevador)  até o 2º piso: 11 euros

Valor do ingresso (de elevador) até o último piso: 17 euros

Compre o ingresso antecipadamente no site oficial da Torre Eiffel. (Tenha paciência e persistência também. Não é muito fácil conseguir os ingressos logo no primeiro acesso.)

 

Obs: É possível subir até o segundo piso utilizando as escadas. São cerca de 700 degraus. O ingresso custa 5 euros e não é vendido pela internet. Se lá você decidir subir até o topo, vai precisar comprar um complemento. O acesso ao topo é feito somente com elevador.

 

MUSEU DO LOUVRE

É um dos maiores e mais visitados museus do mundo. O Palácio do Louvre, como era conhecido anteriormente, foi sede do governo francês até 1793, se tornando museu durante a Revolução Francesa.

No museu do Louvre estão obras famosas como a Vênus de Milo, escultura grega de autor desconhecido e a Mona Lisa de Leonardo da Vinci.

 

venus_de_milo

monalisa_louvre

Outros artistas renomados também tem suas obras expostas no museu do Louvre, entre eles: Rembrandt, Michelangelo e Goya.

O museu possui aproximadamente 60 mil metros quadrados de área e a entrada é adornada por uma belíssima pirâmide de vidro que é um dos cartões-postais de Paris.

museu_do_louvre

A entrada no Museu do Louvre é gratuita todo 1º domingo do mês (coleção permanente)

O ingresso normal (comprado na bilheteria) custa 10 euros

Compre seu ingresso antecipadamente pela  Ticketbar e evite as longas filas no local.

 

CATEDRAL DE NOTRE DAME

É uma das catedrais mais antigas da França. Sua construção, em estilo gótico, se iniciou em 1163. Está localizada na Île de la Cité, uma pequena ilha rodeada pelo Rio Sena, onde a cidade medieval de Paris foi fundada.

 

notre_dame_paris

A bela catedral ficou mundialmente famosa com a obra do escritor francês Victor Hugo, O Corcunda de Notre Dame, de 1831. A obra em estilo romântico, retrata a paixão do corcunda Quasimodo pela cigana Esmeralda.  O plano de fundo é a antiga catedral e a Paris medieval.  As contradições entre personagens que viviam naquela época, ciganos, pedintes, nobreza e clero, ficam bem evidentes na obra.

notre_dame

A visita a catedral é gratuita.

É possível subir até as torre e da Catedral de Notre Dame e de lá ter uma bela vista da cidade de Paris.

O acesso as torres é gratuito no 1º domingo do mês (entre novembro e março)

O ingresso Normal (comprado na bilheteria) custa 8,5 euros

Compre o ingresso antecipadamente pela Ticketbar e evite as longas filas no local.

 

ARCO DO TRIUNFO

Monumento construído para comemorar as vitórias de Napoleão Bonaparte. Possui 50 metros de altura, 45 metros de largura e 22 metros de profundidade. Foi inaugurado em 1836 e está localizado no encontro das avenidas Charles de Gaulle e Champs-Élysées.

Foi o maior Arco do Triunfo até 1938, perdendo o posto para o Monumento a la Revolución, no México, com 67 metros de altura.

Arco_do_triunfo

Para comemorar o fim da primeira Guerra Mundial, o piloto Charles Godefroy, conseguiu passar pelo centro do Arco do Triunfo com um avião biplano.

Veja no vídeo abaixo:

Fonte do vídeo: Canal do YouTube de The Video Ruction

 

O acesso ao Arco do Triunfo é gratuito  no 1º domingo do mês (entre novembro e março)

O ingresso Normal (comprado na bilheteria) custa 9,5 euros

Compre seu ingresso pela Ticketbar e evite longas filas no local.

 

CHAMPS-ÉLYSÉES

A charmosa avenida parisiense possui um dos metros quadrados mais caros do mundo. Tem em ambos os lados de sua extensão, árvores de castanheiro-da-índia que dão um toque a mais na beleza da Champs-Élysées.

 

champs_elysees_paris

Na Champs-Élysées encontramos restaurantes, cafés, cinemas e muitas lojas luxuosas. Separe algumas horas para passear a pé pela bela avenida, entrar nas lojas e tomar um café enquanto observa a movimentação de pessoas.

champs_elysees_paris

champs_elysees_paris

O brasileiro Alberto Santos Dumont, inventor do avião, morou na Champs-Élysées. Em frente onde ele morava existe uma placa dizendo que em 1903, naquele local, ele pousou seu dirigível nº 9.  Eu acho fascinante visitar locais que serviram de palco para grandes acontecimentos. Aqui em especial, por ser meu compatriota!

casa_santos_dumont_paris

champs_elysees_paris

 

MUSEU D’ORSAY

O museu está localizado onde antes foi uma estação ferroviária, a Gare de Orsay.  Possui uma exposição permanente e paralelamente ocorrem exposições temporárias.

 

museu_dorsay_paris

museu_dorsay_paris

No Museu D’Orsay estão obras de vários artistas renomados, entre eles  Van Gogh e Degas. O museu foi inaugurado em dezembro de 1986 pelo então presidente da França, François Mitterand.

museu-dorsay

O acesso ao museu é gratuito  no 1º domingo do mês

O ingresso Normal (comprado na bilheteria) custa 12 euros

Compre seu ingresso pela Ticketbar e evite longas filas no local.

 

GRAND PALAIS DES BEAUXS-ARTS

Ou simplesmente Grand Palais, é um suntuoso edifício que abriga exposições artísticas, desfiles de moda, feiras de livros, salões de automóveis, entre outros. Com um estilo arquitetônico que remete a Belle Époque, começou a ser construído em 1897 para abrigar a Exposição Universal em 1900.

Grand_palais

grand_palais

O acesso é gratuito para menores de 16 anos

O ingresso Normal (comprado na bilheteria) custa 13 euros

 

PETIT PALAIS

Com o nome de Musés des Beaux-Arts de la Ville de Paris,  o Petit Palais é um importante museu que fica em frente ao Grand Palais. Possui uma decoração muito charmosa e abriga obras de famosos como Delacroix e Rodin.

É um museu pequeno e tranquilo, onde a visita não toma muito tempo. Possui um restaurante onde você pode fazer uma pausa para um café.

 

Petit_palais_paris

JARDIM-PETIT-PALAIS

A entrada no Petit Palais é gratuita.

 

GALERIAS LAFAYETTE

Para quem gosta de fazer comprar, este é o lugar perfeito. Tem roupas, sapatos, cosméticos, jóias, perfumes, artigos infantis, e muito mais. Tem também lojas de grifes famosas como Chanel, Prada e Dior.

 

galerias_lafayetteMesmo que você não tenha a intenção de fazer compras, vale a pena visitar pois o local é belíssimo.

 

galerias_lafayette_paris

 

CHAMPS DE MARS

É uma grande área verde que fica localizada entre a Torre Eiffel e a Escola Militar. Por se tratar de um local aberto, é bem movimentado durante o dia e a noite também. Eventos importantes já aconteceram no local, entre eles um concerto dos Três Tenores.

Do alto da Torre Eiffel dá para ter uma vista incrível de toda a Champs Mars. A noite o local é perfeito para um passeio.

 

champs_mars

praça_de_mars_paris

 

TROCADÉRO

A praça localizada atrás da Torre Eiffel, leva este nome em homenagem à Batalha de Trocadéro, onde a Ilha de Trocadéro na Espanha, foi tomada pelas forças francesas.

trocadero_parisDo Trocadéro se tem uma vista espetacular da Torre Eiffel. Na minha opinião, o melhor ângulo para foto da Torre, está no Trocadéro.

trocadero_paris

 

BASÍLICA DE SACRÉ COEUR

A Basília de Sacré Coeur está localizada em Montmartre, que é o ponto mais alto da cidade de Paris. Dedicada ao Sagrado Coração de Jesus, sua construção foi concluída em 1914.

Construída em travertino, pedra que libera calcita e garante que a basílica sempre estará branca, mesmo com a poluição diária e as intempéries que podem ocorrer.

É proibido fotografar ou filmar no interior da basílica.

 

sacre_coeur

A entrada na Basílica é gratuita. É possível subir até o Domo da igreja.  São cerca de 300 degraus para subir e não tem elevador. Na época em que viajamos o valor para subir era 6 euros. Pesquisei o valor atual e não consegui encontrar.

Visite o site oficial da Basílica Sacré Coeur para maiores informações.

 

PARIS À NOITE

Procure fazer um passeio noturno em Paris. Os principais pontos da cidade ficam iluminados e deslumbrantes. Você pode optar em fazer um tour de ônibus ou jantar nos famosos Bateaux-Parisiens, que fazem um mini cruzeiro pelo Rio Sena enquanto Paris se ilumina.

 

torre_eiffel

Galerias_Lafayette_a_noite

Rio_sena_a_noite

notre_dame_a_noite

Como deu para perceber, Paris tem muito a oferecer. Eu citei somente alguns lugares. Existem muitos outros. Tudo vai depender do seu tempo disponível na cidade e da sua disposição. É cansativo, mas vale a pena!


Recomendo a leitura do post 8 dicas e curiosidades sobre Paris, da  Débora do blog Foco no Mundo.



Fique de olho:

  • Nós optamos por utilizar os ônibus Hop on Hop off, onde você paga pelo ingresso de 24h e pode subir e descer quantas vezes quiser, durante a validade do seu bilhete. O itinerário compreende os principais pontos turísticos da cidade.

 

  • Recomendo acordar cedo, tomar um café da manhã reforçado, colocar roupas e calçados confortáveis e aproveitar ao máximo os dias na cidade.

 

  • Não se esqueça de comprar o ingresso para a Torre Eiffel para o final da tarde. Assim você sobe com o dia claro, assiste o pôr do sol e vê os monumentos se iluminando ao anoitecer.

 

Leia também:

Chegando a Paris com o trem Eurostar

Dica de hotel em Paris

Restaurante “Le Castel Café” em Paris



Alessandra Maróstica

Mãe, esposa, paulistana (da Mooca), fisioterapeuta, pianista e travelholic. Apaixonada por fotografia, gastronomia e por viver experiências culturais diferentes. Visitou 16 países e está sempre em busca do próximo destino.

2 comentários em “Paris: Conhecendo a “Cidade Luz”

Os comentários estão desativados.