Visitando Stonehenge

Situada a pouco mais de 130 quilômetros de Londres está Stonehenge, uma enigmática estrutura composta por círculos concêntricos de pedras gigantes, construído no período pré-histórico. O local é um dos pontos mais visitados de toda a Europa.

stonehenge
Stonehenge (Foto: Alessandra Maróstica)

 

História

Segundo historiadores, o que se vê hoje são ruínas do que pode ter sido um templo, um santuário ou até mesmo um cemitério, já que restos mortais cremados foram encontrados no local. Especula-se que a estrutura formada por pedras pesando cerca de 50 toneladas e medindo até 5 metros de altura, foi construída em três períodos diferentes.

No primeiro período o monumento não passava de uma simples vala circular com quase 100 metros de diâmetro.  Este círculo estava relacionado com as fases da lua e alinhado com o pôr do sol do último dia do inverno. Este período se deu no ano 3100 a.C.

O segundo período, ocorreu em 2150 a.C. Neste período foi construído o círculo de pedras azuis e uma avenida de entrada, que era demarcada por valetas paralelas, alinhadas com o nascer do sol do primeiro dia do verão. Também houve a construção do círculo externo, com 35 pedras gigantescas. As pedras foram transportadas por uma espécie de trenó das montanhas de Gales, a cerca de 24 quilômetros ao Norte.

No terceiro período, as pedras azuis foram derrubadas e outras pedras de grandes dimensões que estavam lá, foram erguidas.  Entre os anos 1500 a.C. e 1100 a.C., cerca de 60 das pedras azuis foram restauradas e erguidas em um círculo interno. Outras 19 foram colocadas em forma ferradura dentro do círculo.


O centro de visitantes

O centro de visitantes fica a cerca de 2 quilômetros das pedras. O local possui restaurante, banheiros acessíveis, loja de souvenirs e um grande estacionamento. No centro de visitantes também está a bilheteria para a compra de ingressos. Para utilizar o estacionamento o visitante deverá deixar um depósito de 5 libras, que serão devolvidas na saída, mediante a apresentação do ingresso. Isso garante que o estacionamento seja gratuito somente para visitantes.

centro_de_visitantes_stonehenge
Centro de visitantes de Stonehenge (Foto: Alessandra Maróstica)
Centro de visitantes de Stonehenge (Foto: Alessandra Maróstica)
Centro de visitantes de Stonehenge (Foto: Alessandra Maróstica)

Os visitantes também podem ver uma exposição para conhecer mais sobre Stonehenge, seu significado, as pessoas que construíram e também ter uma  noção de como as pedras foram transportadas até o local.

Exposição sobre Stonehenge (Fotos: Alessandra Maróstica)
Exposição sobre Stonehenge (Fotos: Alessandra Maróstica)

 

Exposição sobre transporte das pedras para Stonehenge (Fotos: Alessandra Maróstica)
Exposição sobre transporte das pedras para Stonehenge (Fotos: Alessandra Maróstica)

O transporte dos visitantes até o monumento de pedras é feito em um ônibus do próprio local, que sai de 15 em 15 minutos.

Ônibus que leva até as pedras de Stonehenge (Foto: Alessandra Maróstica)
Ônibus que leva até as pedras de Stonehenge (Foto: Alessandra Maróstica)

 

A visita

O ingresso para adulto custa 15,50 libras e é válido somente para o dia da compra. Junto com o ingresso você receberá um folder com o mapa do local, fotos, algumas explicações históricas e sugestões do que pode ser feito no local. No dia da nossa visita não tinha o folder em português. Pegamos em espanhol e deu para entender perfeitamente.

Ingresso para Stonehenge (Foto: Alessandra Maróstica)
Ingresso para Stonehenge (Foto: Alessandra Maróstica)

 

Ingresso e folder sobre Stonehenge (Foto: Alessandra Maróstica)
Ingresso e folder sobre Stonehenge (Foto: Alessandra Maróstica)

 

Para a visita ser mais proveitosa, utilize o áudio guia em português. Está incluso no valor do ingresso. Durante o passeio pelas pedras, você vai ver números no chão com um símbolo de fones de ouvido. É só apertar a tecla correspondente e ouvir as explicações relacionadas aquele local.

Ao todo ficamos cerca de 2 horas em Stonehenge, entre a visitação das pedras, a exposição e a loja de souvenirs. É tempo mais que suficiente.

Áudio guia para visitantes de Stonehenge (Foto: Alessandra Maróstica)
Áudio guia para visitantes de Stonehenge (Foto: Alessandra Maróstica)

 

Número do áudio explicativo em Stonehenge (Foto: Alessandra Maróstica)
Número do áudio explicativo em Stonehenge (Foto: Alessandra Maróstica)

Fotos de Stonehenge

Vá com memória suficiente para tirar muitas fotos. O local é incrível e você vai ter um olhar diferente de cada ângulo. No entardecer com céu limpo, é possível fotografar o pôr do sol, que é maravilhoso em Stonehenge. Nossa visita foi em abril deste ano, mas fiquei sabendo que no dia 21 de junho, o sol nasce em perfeita exatidão sob a pedra principal. Deve ser um espetáculo!

Stonehenge
Pedras de Stonehenge (Foto: Alessandra Maróstica)
Stonehenge
Pedra Talón (Foto: Alessandra Maróstica)

 

Stonehenge
Pedras de Stonehenge (Foto: Alessandra Maróstica)
Stonehenge
Stonehenge (Foto: Alessandra Maróstica)

 

Como chegar em Stonehenge

Stonehenge fica a cerca de 30 minutos da cidade de Salisbury. Da estação Waterloo em Londres, é possível pegar o trem até Salisbury. O trajeto dura em média 1h30 e custa cerca de 24 euros por pessoa, ida e volta, no site da RailEurope. O valor vai depender da data.

Trem_de_londres_a Salisbury

De Salisbury você deverá pegar um táxi ou o ônibus turístico Hop On Hop Off, que vai até Stonehenge. Não existe transporte público de Salisbury, que vá até Stonehenge.

A passagem do ônibus turístico custa 14 libras e você pode subir e descer do ônibus quantas vezes quiser durante o dia. Aproveite para conhecer outros lugares interessantes no interior da Inglaterra, além de Stonehenge. Clique aqui para mais detalhes do ônibus turístico.

 

Horário de funcionamento

Até 16/03 das 9h30 às 17h. A partir desta data, das 9h30 às 19h. É permitida a entrada até duas horas antes do término das atividades. Para maiores informações visite o site www.english-heritage.org.uk.

Alessandra Maróstica

Mãe, esposa, paulistana (da Mooca), fisioterapeuta, pianista e travelholic. Apaixonada por fotografia, gastronomia e por viver experiências culturais diferentes. Visitou 16 países e está sempre em busca do próximo destino.

18 comentários em “Visitando Stonehenge

  • 21 de julho de 2016 em 08:34
    Permalink

    Esse aí tá no wishlist. Eu não tenho formação em arqueologia nem história, mas sou um colaborador de um sítio aequeológico (em setembro tô indo pra lá e vou veicular tudo no Reverso do Mundo) e a gente discute sobre esses locais… esse daí, os do Peru, e diversos outros. Tem uma galera que gosta de viajar na batatinha dizendo que é obra de ETs. Enfim. Um dia, em breve, eu chego aí.

    • 22 de julho de 2016 em 11:21
      Permalink

      Lá eles dão informações bem plausíveis sobre a construção e como as pedras foram trazidas. Eu não entendo nada da arqueologia… Sou somente uma curiosa sobre o assunto, mas achei que o que eles contam faz bastante sentido. Gostei de saber que você é colaborador de um sítio arqueológico!!! Vou acompanhando o Reverso do Mundo para saber mais sobre este outros lugares interessantes e cheios de história!

  • 22 de outubro de 2016 em 11:37
    Permalink

    Amei! Eu nunca tinha lido um post assim tão completo sobre a visita a Stonehenge, um dos lugares que eu morro de vontade de conhecer. São tantos os mistérios que cercam esse lugar que deve ser uma experiência incrível viver tudo isso ao vivo! Adorei ler seu relato. Beijos.

  • 22 de outubro de 2016 em 12:29
    Permalink

    O post não podia ser mais detalhado. Adorei! Funciona praticamente como um guia para quem pretende visitar o monumento. Certamente, uma ótima dica de passeio.

  • 22 de outubro de 2016 em 13:09
    Permalink

    Está na minha lista, mas nunca consigo encaixar nos meus roteiros de viagem porque ou está chovendo muito ou aparece um compromisso de última hora em Londres. Post bem completinho e com ótimas dicas. 🙂

  • 22 de outubro de 2016 em 13:14
    Permalink

    Muito legal! Sempre quis conhecer Stonehenge! O dia dele está guardado para quando eu for para a Inglaterra! kkk Gostei do seu post, super informativo! Abs!

  • 22 de outubro de 2016 em 14:00
    Permalink

    Stonehenge é um lugar muito único, né? Tá na minha listinha de lugares que preciso conhecer. Quando fui a Londres não deu, mas vai ficar pra uma proxima visita a Inglaterra.

  • 22 de outubro de 2016 em 15:19
    Permalink

    Sempre lembro da série alienígenas do passado quando leio alguma sobre Stonehenge hahaha. Adorei seu post! Dicas muito úteis e fotos lindíssimas

  • 22 de outubro de 2016 em 18:21
    Permalink

    Nunca pesquisei direito como chegar em Stonehenge, seu post é um maravilhoso guia.

  • 22 de outubro de 2016 em 18:58
    Permalink

    Adorei Stonehenge! Achei muito místico e interessante. boas as dicas de como visitar o local. 🙂

  • 23 de outubro de 2016 em 06:48
    Permalink

    Oi Alessandra… Adoro Stonehenge. Já estive lá 3 vezes, e todas foram super especiais. O seu post está super completo, com todas as dicas essenciais para quem quer visitar Stonehenge. Parabéns! =)

    • 25 de outubro de 2016 em 12:51
      Permalink

      Fico feliz que tenha gostado do post! Eu trouxe recordações muito boas de Stonehenge e espero um dia poder voltar lá!

  • 23 de outubro de 2016 em 11:51
    Permalink

    Que artigo completíssimo sobre Stonehenge. Esse lugar definitivamente está na minha listinha de lugares que quero conhecer quando for a Inglaterra. Achei bem legal ler um pouquinho dessas pedras que são um mistério. E você está certa, acho que deve ser necessário carregar a bateria extra da câmera rs, pois o lugar deve render muitas fotos. Adorei

    Abraços

    • 25 de outubro de 2016 em 12:43
      Permalink

      Stonehenge é um lugar incrível que vale muito a pena conhecer (e tirar muitas fotos rsrs). Tenho certeza que você vai amar! Um abraço, Ale.

  • Pingback: Travessia MSC Splendida | Tirando Férias | Blog de Viagens

Os comentários estão desativados.